Páginas

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

O ativismo de sofá e a voz das redes sociais




Pessoal, eu tenho que acordar super cedo amanhã, mas tive que escrever esse post, que na verdade já está na minha mente há tempos!
Há um ano , estava na moda no Facebook você copiar e colar mensagens do tipo “Se você ama a Deus, copie e cole no seu mural”, “Se você é contra o racismo, copie e cole no seu mural”, “Se você é contra o Bullying, copie e cole no seu mural!”. Essas mensagens me irritaram a tal ponto que acabei conseguindo uma discussão por publicar a mensagem “Como coisa que copiar e colar algo no mural  fosse mudar algo”. De fato não muda NADA e esse tipo de mensagem pra mim, soa pateticamente como auto-afirmação e auto-falsa-propaganda, já que vi os PEORES (com E mesmo) compartilhando isso. Enfim, hipocrisia define.
Mas o que eu não sabia é que EU me tornaria, e com muito orgulho, uma ATIVISTA DE SOFÁ! Vocês sabem o que é isso? Ativistas de sofá são uma forma pejorativa de chamar pessoas pseudo-revolucionárias, que falam muito e nada fazem, que querem mudanças, mas não tomam atitudes. Acontece que pessoas totalmente alheias ao mundo atual classificam nesse balaio também pessoas que usam as redes sociais para fazer seus protestos, alegando que isso “não adiantará nada”, já que protestar é sair batendo tambor na rua ou sei lá o que. PURO ENGANO! E posso dizer isso com grande conhecimento de causa: eu trabalho em um setor de pesquisa em redes sociais, faça a classificação de menções positivas e negativas sobre determinadas marcas, tudo o que se fala sobre elas em twitter, facebook, Orkut, etc. Portanto eu sei muito bem o quanto esculhambar uma marca nas redes sociais se torna uma bola de neve incontrolável pelas mesmas. Isso serve também para protestos. A SKOL foi BOICOTADA por milhares de usuários das redes por patrocinar o festival que trará um show do grupo de pagode NEW HIT, que são ESTUPRADORES. O boicote a marca de cerveja foi tão grande que a mesma retirou seu patrocínio do evento, um patrocínio que lhe renderia muito dinheiro. Mas porque? Porque ela sabia muito bem que isso mancharia sua imagem e a faria perder muito mais do que ganharia com esse patrocínio.
O mesmo aconteceu com as camisinhas da marca Prudence, que fizeram uma campanha de PÉSSIMO GOSTO dizendo que sexo queimava calorias, ainda mais se você tirasse a roupa da mulher SEM SEU CONSENTIMENTO e tentasse tirá-la com ELA BATENDO EM VOCÊ! Sabe o que se chama isso? APLOGIA AO ESTUPRO! Abriram-se petições contra a marca, elas foram denunciadas (tanto elas quanto muitas outras) no CONAR  e, além de ter que retirar essa campanha da internet, ainda tiveram  que fazer um VÍDEO EDUCATIVO explicando o que é um estupro!
Esse mesmo blog pode servir como uma ferramenta de protesto e propagação de novas ideias! Já recebi certa vez um comentário dizendo que alguns dos meus textos estavam sendo levados em um grupo de crianças carentes para serem lidos! Chorei ou não? Senti-me cumprindo uma missão ou não?Senti que meu ativismo de sofá fez algo real, ou não? 
Há quem diga que escrever não irá adiantar nada, que tem que levantar e fazer algo. Claro, pois isso mostra o quanto ESCREVER em si, é uma tarefa inútil, não? O quanto  Marx com seus manifestos comunistas, Nietzsche com seus livros revolucionários, Simone de Beauvor com seus livros feministas não promoveram mudança alguma, certo? O negócio é apenas sair gritando na rua.Aliás, em uma sociedade onde até mesmos os protestos feitos em vias públicas como Avenidas e logradouros são vistos APENAS E ENTÃO SOMENTE como baderna e como uma forma de atrapalhar trânsito e transeuntes, usar as redes sociais  torna-se a melhor alternativa! A mais rápida, a que se espalha com maior rapidez, a que agrega o maior número de pessoas que você nem sonha em conhecer e a que chega certeiro, no destino certo, sem governo para abafar ou mídia para distorcer!
OBVIAMENTE que o ativismo (ou sua postura ética) não deve estar apenas nas redes sociais, mas em seu dia-a-dia, no seu anonimato, na sua postura perante tudo na vida. Mas que AS REDES SOCIAIS TEM VOZ, ELAS TEM!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá queridos!
Seu comentário é bem vindo!Pode criticar, elogiar, desabafar, indicar referências, sinta-se a vontade!
Comentários na intenção de ofender serão ignorados!