Páginas

quarta-feira, 22 de abril de 2009



Sei que hoje,sou apenas matéria. Apenas a base,pois já me despojei de toda a parafernália que me cansava e que não tinha utilidade. Hoje sou pura,e não confundam pureza com bondade ou inocência,pois sou tão pura a ponto de reconhecer o meu bem e principalmente o meu mal. Reconheço meus defeitos limpos,sem interferência de imagens idealizadas.
Mas meu bem,esse também ressalta a meus olhos. Ressalta,mas não encobre,já que agora aprendi que todos nós somos balanças que contém dois pesos iguais em suas extremidades,mas só sentimos pesar mais o lado que mais olhamos. Talvez seja por isso que tenhamos a ilusão de que existem pessoas boas ou más.O que existem por si só,são pessoas.O peso cairá para o lado que for dado maior atenção.Ser pura é simplesmente saber qual lado que pesa mais e tentar aflitivamente dar maior peso ao outro extremo.

*Alguns tem a sorte de descansar placidamente em sua balança equilibrada.

8 comentários:

  1. "O que existem por si só, são pessoas."

    Tão simples, mas que diz tanta coisa.

    ;)

    ResponderExcluir
  2. será que existem pessoa equilibradas? eu acho q é pura encenação...

    ResponderExcluir
  3. Se não é inocência, qual sentido tem sua pureza?

    ResponderExcluir
  4. A foto lembra vagamente o simbolo do Ying e Yang, mas achei mais lindo...

    É dificil achar o equilibrio, a gente acaba escolhendo o caminho que acarreta menos danos e mais lucros...

    Fique com Deus, menina Dayane.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. [i]"Ser pura é simplesmente saber qual lado que pesa mais e tentar aflitivamente dar maior peso ao outro extremo."[/i]

    Apóio!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Quero essa sorte!

    Belas metaforas!

    BeijOs

    ResponderExcluir
  7. O problema é equilibrar essa balança!
    Bjoooooooosssssssss!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Sinta-se á vontade