Páginas

domingo, 23 de novembro de 2008



Não consigo entender o porque de de repente a religião ser vista como um veneno e Deus ser visto como um carrasco hipócrita por muitas pessoas.
Hoje em dia,você se declarar cristão é motivo de chacota (ou qualquer outra religião que tenha regras consideradas por muitos “moralistas”).Para mim,muitos desses que dizem repudiar a hipocrisia e moralismo que as religiões exigem guardam dentro de si um absolutismo e hipocrisia ainda maior do que o desses que renegam. (eu disse muitos,não todos).
Acredito que muitos perderam a noção do que significa a palavra LIBERDADE.
Liberdade é você ter o poder de escolha sobre o que quer para sua vida .O que esquecem porém é que liberdade exige responsabilidade,pois é você que arcará com as conseqüências de suas escolhas .Muito,mas muito diferente é o conceito que pregam agora,que é o de se jogar de cabeça em coisas e situações que você não tem a mínima noção de risco .SER livre é muito diferente de PARECER livre .Muitas vezes você é um escravo de símbolos e ideologias de uma liberdade falsa, manipuladora e destrutiva.
Penso que a pior prisão é essa :a que te faz acreditar que você é livre e vai te destruindo aos poucos .E quando chega o seu fim,acabado,destruído,cheio de feridas de uma vida cheia de atos destrutivos,você ainda jura que a aproveitou ao máximo.
Não digo também que pessoas religiosas são livres,assim como não digo que os que se abstém de Deus o são. Digo,porém,que não é por que você abraçar todas as ideologias “libertárias” desse mundo e busca de forma alucinada tirar proveito de tudo que você é uma pessoa livre,muito menos feliz .Fazer tudo não significa liberdade de escolha .Pode significar uma angústia incessante de tentar preencher um vazio. Ou não .Cada que seja livre para escolher o que quiser.
P.S:Mas respeito é SIM,fundamental.

14 comentários:

  1. Esat história de religião é bastante complexa. Sou contra qualquer tipo de extremismo, mas a liberdade, como escreves, é fundamental.

    Beijo, Dayane

    ResponderExcluir
  2. Acho que o problema são alguns cristão fanáticos que deturpam a imagem de Deus passando essa idéia errada pra sociedade!

    Eu acredito em Deus e ponto! Vivo com uma pessoa que não acredita e não dou o direito a essa pessoa de me dizer em que devo acreditar ou se estou certa ou errada! Assim como não dou direito a mais ninguém... rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Realmente as vezes não entendo o motivo de tantas brigas motivadas por escolhas religiosas!
    Day, você sempre escolhe temas fantásticos!
    Beijo queridaaaaa

    ResponderExcluir
  4. que hoje em dia ninguém é totalmente livre, somos presos a diversas coisas que muitas vezes nem percebemos.
    E religião realmente não se discute, eu não ligo de falar sobre, e ouvir o ponto de vista de outros, mas tem certas pessoas de certas religiões que não aceitam nem um comentário sem dar um ataque estérico religioso!!

    Beijaaaooo

    ResponderExcluir
  5. Liberdade para escolher~
    Nosa Decidimos, e sabemos o que appenas colocamos em nossas mãos, e o que guardamos de verdade...

    Otimo TExto Moça!! o-o~

    Abração! Gigantão!! ^-----^

    ResponderExcluir
  6. O seu texto está bem reflexivo, pois nos faz pensar o que é a verdadeira liberdade...

    Não aquela presa a pré conceitos, de raça, sexo e religião e sima a liberdade de pensar e respeitar.

    E gostei da mudança de figura de topo, da impressão que alguém despertando de um sonhos.

    Fica com Deus, menina.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  7. creio que liberdade é fazer o que tem vontade, na hora q tem vontade. mesmo assim, como vc disse, precisamos pensar nas consequências. contudo, se toda vez q formos fazer algo, tivermos q pensar nas consequências, nao viveriamos.

    não sei, esse assunto é muito complicado ainda pra mim

    beeijo

    ResponderExcluir
  8. Liberdade não tem nada a ver com libertinagem. E é isso que muita gente não entende.

    :*

    ResponderExcluir
  9. Muitas pessoas que acreditam em Deus, ou em outra crença, sentem vergonha de assumir.

    E muita gente que não tem a mínima noção da eligião, sai por aí falando um monte de besteiras achando entender do assunto.

    Mas concordo com o que disse nos primeiros páragrafos ;)

    ResponderExcluir
  10. eu sempre achei que as pessoas tinham um conceito de liberdade completamente falso e fico feliz em ver q n sou a única.

    ResponderExcluir
  11. com certeza respeito é tudo!
    eu particularmente não tenho religião fui catolica até os 12 mais ou menos mais quando tudo que eu acreditava foi por terra fiquei meio orfã, mais acho a fé uma das coisas mais bonitas do mundo admiro quem acredita, quem realmente tem uma religião e a pratica.
    Acho tbm que as pessoas que criticam são aquelas que adotam frases feitas de outras pessoas, não pensam no que falam e por ignorancia falam besteira!
    por diversas vezes eu já disse e repito quem dera eu tivesse uma religião...
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Acho que o maior problema está entre os próprios religiosos, Dayane! O que vemos é religiosos matando religiosos. Cada um achando que seu Deus é maior do que o outro.
    Os ateus não se interessam por isso!
    Se cada um respeitasse as crenças, ou descrenças, alheias, seria o ideal. Mas, toda religião tem seus fanáticos! Entre os ateus,não vejo isso.
    Bjooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  13. Essas reflexões sempre me deixam em crise existencial.

    E eu sou meio cética em relação a liberdade...

    Acho mto bom o jeito que vc se expressa.


    Bjos e td de bom!

    ResponderExcluir
  14. [palavra bizarra: "EHOOM"]

    A deturpação ocorre e sempre ocorrerá, não importa sob qual asa se encontra o indivíduo. Seja sob as brancas asas divinas, as negras asas satânicas ou as etéreas asas do ateísmo. O que as pessoas não param para refletir é que o mundo é circular, tal qual a serpente que devora a própria cauda. Logo, aquele que se afasta acaba, dependendo da distância tomada,aproximando-se mais e mais. "Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para um monstro também não vir a se tornar, pois e olhares profundamente dentro do abismo, o abismo olhará profundamente dentro de ti" - F.W. Nietzsche. Se o monstro for o desespero pelo desrespeito e pelo fanatismo, acabamos de cair na igualdade diametralmente oposta: o fanatismo dogmático X o fanatismo anti-dogmático [que acaba se tornando também um dogma]. A partir daí, acredito que, definitivamente, o único dogma a ser seguido, de fato, é o do respeito. E da destruição de anátemas, mas isso é um assunto para outro post, afinal já tomei muito espaço no seu guestbook.

    Küßen, Dayane!!!

    [eu não abandono meus companheiros de blogosfera!!!]

    ResponderExcluir

Olá queridos!
Seu comentário é bem vindo!Pode criticar, elogiar, desabafar, indicar referências, sinta-se a vontade!
Comentários na intenção de ofender serão ignorados!