Páginas

segunda-feira, 11 de agosto de 2008



Faz tempo que ela morreu,já tem uns meses.Não sinto falta dela,tudo o que consigo sentir quando ela me vem a memória é uma revolta,uma raiva mesclada com angústia e deboche.Raiva dela não ter sabido tantas coisas que eu sei,pois tinha medo de tentar e errar,por isso nem se quer vivia.Coitada!Morreu e o máximo que deixou foi uma mera lembrança sem o menor resquício de saudade.Mas sei lá...no fundo ela devia ter lá suas razões.Engraçado como mesmo tendo convivido juntas por anos a fio,lado a lado,eu sempre a apoiando,a suportando,achando até mesmo que não viveria sem ela,nem se quer dei por sua falta quando ela foi morrendo aos poucos dentro de sua redoma de vidro.Que loucura!Em pensar que eu já jurei que dependia dela,que ela era como a parte mais essencial de mim.Eu estava tão cega que não podia notar o quão nociva ela era.Não porque queria,coitada,mas ... bem,um dia quem sabe eu não descubra o motivo de tanta desesperança,tanto masoquismo.Espero um dia ter uma lembrança de ternura sobre essa menina.É,morreu -mas antes ela do que eu!

14 comentários:

  1. Não entendi muito bem. Talvez não seja uma pessoa. E não sendo, há inúmeras possibilidades ;)

    ResponderExcluir
  2. Não sou como vc e meu irmão, assim,
    tão íntimo com as palavras. Gostei muito da sua visita e quero agradecer cada palavra.
    *___*

    Essas minhas ilustra de menininhas, são homenagens a minha filha, minha mulher e para as mulheres. Cada qual no seu momento.

    Quero conhecer o seu trabalho melhor, quando leio saio de mi e viro pensamento.

    Agradecido!

    Beijo

    :)

    ResponderExcluir
  3. Feliz niver, ligeiramente atrasado hehehe!!!
    E um bjooooooooo!!!!

    ResponderExcluir
  4. Gata quem morreu? Me deixasse curiosa. hehe...
    Beijão pra tu.

    ResponderExcluir
  5. eita. O.O
    acho que eu não entendi... quem morreu, a sua consciência, ou tipo sua amiga imaginária?

    (hum?)

    poise, acho que eu não entendi mesmo.

    ResponderExcluir
  6. Ah,eu também acho que antes ela do que vc....

    obrigada pela visita e volte sempre!

    bjs

    ResponderExcluir
  7. Ah um texto um tanto complicado eim!
    ahhahahahahahah
    Mas o que importa é que voce se expressa pra lá de bem eim! asdfhpasdoiaur

    Beijão

    ResponderExcluir
  8. Não sei se entendi muito bem o texto... mas sinceramente torço para ser apenas metaforas!
    Beijo
    =]

    ResponderExcluir
  9. Como td mundo não entendi muito, mas acho que essa outra é vc msm, mas de um outro jeito.
    Posso estar errada, por isso, desvende esse segredo para nós.
    bjos.

    ResponderExcluir
  10. Oi,achei seu blog em algum link e gostei muito do texto.Deixa margem para interpretações de quem lê. E isso poucos conseguem.
    E li que vc é fã de PORTISHEAD e SIGUR-RÒS ? Não é todo mundo que conhece...muito bom gosto.Fique à vontade pra ler e comentar no meu tbm!
    Espero te ver por lá!

    T+
    Kêco

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Pouco entendi, mas valeu a visita,gostei.
    Quem morreu??

    uma otima tarde.


    beijooo.

    ResponderExcluir
  12. enquanto todos perguntam quem eu me pergunto quando?
    O quem está explicito!
    O quando marca o fim e o começo...

    ResponderExcluir
  13. Sei que algumas coisas precisam morrer...

    bjs~~

    ResponderExcluir
  14. É ... eu vejo ele morrer aos poucos, não posso salvado , não posso ajuda-lo , sua redoma me impede ... e el vai morrendo... e eu o vendo ..., coitado dele, desistiu muito facil, e é agora que tudo começa a ter graça~~


    Quando leio aqui, minha cabeça vira pessamentos ;] belo texto ... intendi seu texto do meu jeito~

    ResponderExcluir

Sinta-se á vontade