Páginas

quarta-feira, 14 de maio de 2008



A vida muda assim:de um dia para o outro.Um dia você é e no outro não é mais.Em um dia só há dor,no outro apenas sonhos e sorrisos.A vida tem muitas faces e você se pergunta qual delas será a verdadeira até que você encontra uma que lhe agrade, e você se agarra a ela com unhas e dentes repetindo consigo mesmo “Essa é a minha verdadeira face!Já experimentei milhares de máscaras,mas esse é o meu verdadeiro rosto!”.Por que aí você se reconhece,olha-se no espelho e sabe exatamente quem ali vê.E você gosta disso,você gosta de constatar que sabe que a mesma pessoa que lhe observa é a mesma pessoa que se olha:sempre você.E você começa a reparar que mesmo quando acreditou não saber mais quem era,era sempre você mesmo.Era você experimentando uma outra máscara,era você de olhos vendados,mas o seu rosto,a sua verdadeira face sempre esteve ali,intacta,só esperando o momento certo em que você tomaria coragem para assumi-la como sendo o seu verdadeiro eu.
----------------------------------------------------------------------------------------
Não adianta eu querer resgatar em mim algo que eu tinha e já não me serve.É como uma jovem tentando vestir seu vestidinho branco de quando era criança.As formas de seu corpo são outras e sua idade não permite mais aquele traje tipicamente infantil.E ela só irá se frustrar tentando fazer com que ele caiba outra vez em seu corpo e o vestido por sua vez,acabará se rasgando e perdendo a beleza que continha.E é por isso que ás vezes sofro tanto:porque quero ser alguém que fui,mas agora não sou mais.Quero resgatar em mim coisas que já não tem cabimento serem resgatados,pois não creio mais nelas.Queria ter outra vez aquele jeito obstinado e teimoso,mas já sei que a vida não está aqui para fazer meus caprichos.Queria abrir meu peito cheio de sonhos e devanear pelas minha ilusões,mas também já a aprendi à solavancos que as ilusões não passam de idealizações,e o mundo não se molda a gente,a gente é que se molda ao mundo.Queria outra vez acreditar que eu era a pobrezinha da história e continuar com a minha inocência de que todas as pessoas são boas,mas já vi que ninguém é totalmente bom,muito menos eu.Minha mascara de pessoa perfeita também já caiu.E não adianta mais eu ficar esperando que tudo volte a ser como era antes.O antes era bom porque eu não enxergava o que enxergo agora e se voltasse no tempo ,certamente me surpreenderia com o que eu passaria a ver com esses meus atuais olhos.Só posso dizer uma coisa:Crescer dói,e muito.

O QUASE NOVO BLOG


Cm vcs podem ver,o blog está de cara e nome novo.
O novo visual do blog é uma pintura de Edgar Degas.
Gostei muito das mudança no blog e espero que vs tbm ^^.Grande beijo à todos.
Obs: Semana passada,dia 4 de maio, eu me batizei. Que Deus me abençoe e abençoe a todos vcs ,estou muito feliz ^^!

Um comentário:

  1. Eu gosto de mudanças. Relativamente! Algumas mudanças.
    E é legal trocar de layout, e até o nome do blog, se é assim que nos vemos no momento.
    Eu gostei muito do tema, das cores... Do estilo. De tudo!
    Principalmente do texto postado.
    Sabe... Eu ando estranha. E esse texto fala mto de mim.
    A única coisa que posso fazer é pensar. Pq não tenho respostas pras coisas que quero. E não tenho solução pras coisas que preciso.
    Porém, quem disse q oq quero e preciso são primordial?!
    Eu tô ficando doida!!!!

    Beijinhos. Que Deus te abençoe grandemente, hein?!!
    Meu pai é pastor da Igreja Batista. Eu me batizei em janeiro 2001.

    Até mais, querida!


    http://no__sense.blogger.com.br/

    ResponderExcluir

Sinta-se á vontade